Bibliotecas do SENAC São Paulo oferecem Best-Sellers
em versões MP3 para deficientes visuais

Projeto piloto da Fundação Dorina Nowill para Cegos foi implantado em unidades da instituição na capital e no interior do Estado

Nove bibliotecas do Senac São Paulo, em todo Estado, acabam de receber acervo em CDs com arquivos em MP3 de 47 best-sellers da literatura nacional e estrangeira. O material faz parte do projeto piloto Ilha de Audição, da Fundação Dorina Nowill para Cegos (FDNC), que visa levar obras contemporâneas, gravadas nesse formato, para deficientes visuais.

Inicialmente, a FDNC escolheu o Espaço Braille, localizado no Centro Universitário Senac - Campus Santo Amaro, para abrigar o acervo, juntamente com outras dez bibliotecas do país. Após receber um kit composto por um aparelho de CD/MP3 portátil e os livros gravados nesse formato, o Senac decidiu multiplicar o projeto para as unidades de Campinas, Bauru, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, São José dos Campos e Limeira, além de outras duas na capital: Consolação e Lapa Scipião. Os bibliotecários receberam treinamento para o atendimento a deficientes visuais e utilização do software de voz, DOSVOX, que foi instalado nos computadores das unidades.

"Como nem todos os deficientes visuais são alfabetizados em Braille, a oferta de audiolivros é muito importante para inclusão cultural. Essa é uma forma de acesso universal", avalia Jeane Passos, diretora de bibliotecas do Senac São Paulo.

Os deficientes visuais podem escutar os audiolivros dentro das bibliotecas da instituição, utilizando o aparelho com MP3 ou computadores. Os usuários que possuem equipamentos em casa também podem solicitar o empréstimo dos títulos. O serviço é gratuito.

Sobre Ilha de Audição
A produção de audiolivros em meio digital é feita pela Fundação Dorina Nowill para Cegos há cerca de um ano. No início de 2006, a organização optou pelo MP3, mas ao constatar que muitas bibliotecas não possuíam equipamentos para reprodução de CDs nesse formato, criou o projeto-piloto Ilha de Audição para distribuição de kits, compostos por aparelho de CD/MP3 portátil e acervo, para onze instituições em todo país.

A escolha das obras é feita com base na lista dos livros mais vendidos, publicada semanalmente pela revista Veja. Os títulos que permanecem mais de quatro semanas consecutivas nessa relação são gravados em MP3. O acervo conta hoje com cerca de 85 títulos em MP3, mas a Dorina Nowill ainda possui mais de 500 obras gravadas em fita cassete e outras 76 em formato wave. "Estamos em busca de patrocinadores para levar a Ilha de Audição para outras bibliotecas e também para aumentar nosso acervo em MP3", completa Julio Pires, responsável pelo desenvolvimento de produtos da FDNC.

Sobre Espaço Braille do Centro Universitário Senac
O Centro Universitário Senac - Campus Santo Amaro oferece em sua biblioteca o Espaço Braille, que tem uma média de 90 atendimentos por mês. O local reúne 127 títulos em Braille e 116 audiolivros e conta com sistemas de leitura e impressões especiais. Para aqueles com uma pequena porcentagem de visão, há uma lupa eletrônica, que em contato com os textos em papel projeta as letras ampliadas em um monitor. Os deficientes com ausência total de visão têm disponível um outro sistema, também composto por uma lupa eletrônica para leitura por meio de um recurso de voz. É possível imprimir em Braille textos digitalizados ou ainda utilizar uma máquina elétrica com o sistema, que pode substituir o teclado do computador.

Além desses serviços, há treinamento gratuito de informática com programas de voz, para quem tem deficiência total, e ampliador de tela, para aqueles com baixa visão. As atividades são oferecidas para crianças e adultos. Para os familiares, amigos e profissionais videntes (sem deficiência visual) há um curso de Braille. A infra-estrutura da biblioteca conta com elevador e os espaços entre móveis e estantes foram projetados para dar total liberdade de acesso e mobilidade aos deficientes visuais e também físicos.

O endereço da biblioteca do Campus Santo Amaro é Av. Eng. Eusébio Stevaux, 823 - Santo Amaro. O atendimento é feito na segunda-feira, das 10 às 18 horas; de terça a sexta-feira, das 10 às 21 horas; e aos sábados, das 8 às 17 horas.

Os endereços das outras bibliotecas da instituição que fazem parte do projeto Ilha de Audição estão no site www.sp.senac.br . Informações também podem ser obtidas no 0800 883 2000.