Orientação sobre Quimioterapia

 

O que é quimioterapia?
É a utilização de remédios para tratamento de tumores.
A quimioterapia pode ser tratada sozinha ou junto com a cirurgia e a radioterapia.

Como ela é feita?
A quimioterapia pode ser feita tomando-se comprimidos pela boca ou pela aplicação de injeções nas veias e nos músculos. O tratamento pode ser feito no laboratório ou no hospital (enfermaria).
No laboratório, o paciente volta para casa no mesmo dia.
Os medicamentos usados e a duração da quimioterapia variam de acordo com a doença e sua resposta ao tratamento.
Durante o tratamento o paciente faz consultas e exames periódicos.Eles mostram como está o organismo do doente, a evolução da doença, sua resposta ao tratamento e se ele deve ou não ser modificado.
NÃO FALTE A ESSAS CONSULTAS E EXAMES!

Problemas: O que fazer?
A quimioterapia pode causar alguns problemas, conhecidos como efeitos colaterais.Isso acontece devido à medicação usada. Os quimioterápicos também atingem as partes sadias do corpo.Os efeitos colaterais variam de pessoa para pessoa e nem sempre se repetem.Geralmente são de breve duração e podem ser prevenidos ou tratados.
Quando sentir esse efeitos, o paciente deve sempre tomar os remédios que o médico receitou para esses casos. Os efeitos colaterais mais comuns são:

Náuseas (enjôos) e vômitos - antes da quimioterapia, o paciente deve tomar um café da manhã leve.Durante o dia, coma pouco e várias vezes para evitar que o estômago fique muito cheio ou muito vazio.

É BOM: Tomar água com gotas de limão, bebidas gasosas (agitar o frasco para retirar o excesso de gás), comer torradas e pipocas, descansar após as refeições,dormir após as sessões de quimioterapia. A ingestão de frutas secas e não ácidas está recomendada (uvas sem casca, maçã, pêra, papaia, etc,...).

NÃO É BOM: Beber líquidos durante as refeições, comer frituras, comidas gordurosas e pesadas em geral, assim como alimentos muito quentes ou muito frios, sentir cheiros fortes(álcool, amoníaco, lysoform).

Diarréia
É BOM: Comer batatas, arroz, cenoura, maçã, banana, comidas não gordurosas, torradas e beber bastante líquidos (água de coco, soro caseiro, soro de farmácia).

NÃO É BOM: Ingerir comidas gordurosas e muito temperadas, café, feijão, leite e seus derivados(queijos, etc...), frutas cítricas (laranja) e ácidas (abacaxi).Se a diarréia durar mais de um dia, ou se o paciente tiver cólicas fortes, procurar orientação médica ou um hospital.

Feridas na boca
É BOM: Lavar a boca com bicarbonato de sódio dissolvido em água oxigenada misturada com água filtrada, após as refeições. Ingerir líquidos, vitaminas de frutas, sopas batidas em liquidificador, sorvetes, etc..., se for difícil de mastigar.

NÃO É BOM: Comer alimentos muito quentes, muito frios ou muito temperados.Comer frutas ácidas (abacaxi, laranja, limão, tangerina, etc).

Queda de cabelo e outros pêlos do corpo - nem todos medicamentos usados em quimioterapia causam esse problema, que é passageiro, porque os cabelos e outros pêlos voltam a crescer assim que o tratamento terminar ou mesmo antes. Sentindo necessidade, use bonés, lenços, perucas, etc...

Infecção - a quimioterapia favorece o aparecimento de infecções.
São sinais de infecção : febre, calafrios, pele empolada, queimação ou ardor ao urinar, sangramento, falta de ar, tosse.

Ao menor sinal de infecção, procurar orientação médica ou um hospital.
Alguns cuidados para se prevenir contra infecções: Lavar as mãos antes das refeições, após usar os sanitários e ao chegar da rua.Evitar lugares muito cheios ou pouco ventilados.Evitar entrar em contato com pessoas portadoras de doenças como sarampo, catapora, caxumba, rubéola, gripe, etc...Não tirar as cutículas das unhas.Evitar cortes ao fazer a barba, axilas ou pernas (o melhor é não se depilar). Não espremer cravos, espinhas ou furúnculos.Passar creme hidratante na pele de todo o corpo para evitar ressecamentos.


OUTROS PROBLEMAS

Aumento de peso: ingerir mais frutas, legumes, verduras e carnes magras(peixes e frangos). Diminuir o sal da alimentação.

Perda de peso: comer alimentos que mais lhe agradar, carboidratos, por exemplo, e aproveitar o período entre as sessões de quimioterapia, quando o apetite tende a melhorar.
Tonteiras: não andar sozinho e falar sobre elas com o médico.

Formigamentos nos pés e nas mãos: é passageiro, mas deve ser comunicado ao médico.

Alterações nas menstruações: pode ser devido aos medicamentos usados na quimioterapia, a não ser que esteja grávida.EVITE ENGRAVIDAR.

Injeção do medicamento fora da veia: logo aparece um inchaço no local em que a agulha entra na pele.Avisar logo a enfermeira que atende ao paciente.Em casa: lavar o local com água e sabão, mergulhar o braço em água gelada ou colocar cubos de gelo no local, nas primeiras 24 horas manter o braço elevado por 48 horas.Se o braço permanecer vermelho e inchado, procurar um médico oncologista da própria clínica!

Outras dúvidas, tais como exercícios físicos, medo, preocupações, uso de outros medicamentos, bebidas alcoólicas, conversar com a equipe médica que assiste ao paciente, pois essa equipe tirará as dúvidas referidas acima, bem como muitas outras que surgirem, fazendo de tudo para compreender e ajudar o paciente e seus familiares.


Caro paciente,
A quimioterapia não é um tratamento fácil, mas traz muitas vantagens para o paciente. Esse Guia Prático foi elaborado pensando em você, que está iniciando, com nossa ajuda, mais uma etapa na luta contra a doença.
Procure levar a vida normalmente: trabalhando, divertindo-se, amando-se!!!

Dra. Silvana M.T.M. Gotardo
Tire suas dúvidas:
oncoclin@oncoclinonline.com.br